Pesquise Aqui

quinta-feira, 21 de abril de 2016

Por que político tem foro privilegiado?

A
Copiada de: guamarenatela.blogspot.com
oposição lançou há alguns meses, um site pró-impeachment da Presidenta Dilma Rousseff; a grande piada é que essa oposição e essa ideia de lançar tal site é encabeçada por uma birra bastante situacional, imaginem só, logo o PSDB! (eu sei que esse assunto é velho, mas eu só pensei sobre ele, hoje).
Como sabemos o Partido da Social Democracia – PSDB é um dos maiores predadores no que se refere a tirar dos que não têm e doar para os que já têm de sobra, e mais, é um dos partidos que – no passado – mais contribuiu para enfraquecer a soberania do nosso país, desmantelando os sindicados, enfraquecendo as instituições públicas, cedendo-as ao colapso da privatização e “trabalhando” em prol da classe burguesa...
Ninguém fala da agressão que FHC provocou no Brasil, quando privatizou diversas instituições públicas, agora, porém, Deputados Federais covardes vêm afirmar que a Presidenta está a prejudicar a população brasileira! Dizem que representam o povo através de um: SIM! Um momento, seus infames, a mim vocês não representam, porque seus discursos são, no mínimo, enviesados!
Outra piada de muito mau gosto é imaginar que os deputados que elegemos são um bando de pilantras, medíocres corruptos que agora querem fazer papel de bons moços, de salvadores da pátria, em nome de uma falsa ideia de que representam o povo. O povo não merece ser representado por um bando de corruptos (os quais ocupam lugar na Câmara Federal dos Deputados), porque o povo trabalha dignamente e sobrevive com apenas um salário mínimo.
Por que os deputados corruptos (como um todo) e os deputados de oposição provisória e interesseira não lançam um site para os eleitores avaliarem o tanto que eles “trabalham”, o que eles “produzem”, ou o “tamanho da honestidade” de cada um deles?
Por que políticos têm foro privilegiado? Você já pensou sobre isso? O judiciário deve entender que todo e qualquer político vai ser tornar, um dia, corrupto, isso explicaria o porquê da “nossa constituição” balizar tal princípio... No caso, a meu ver, ou se privilegia a todos, ou nenhum!
Por que eles não lançam um site mostrando quantas vezes eles batem ponto na Câmara? O que eles fazem de fecundo lá? Ou ao inverso, quais são as negociatas pérfidas que eles fazem ali?
Por que os deputados não dizem o quanto eles cobram (em contrapartida) quando se é preciso votar em projeto X, em projeto Y, para a melhoria da vida do trabalhador?
Se a justiça brasileira, com o apoio do Executivo e do Legislativo viesse a punir veementemente todos os políticos corruptos do Brasil, ela mesma implodiria!
E se somente a Câmara dos Deputados quiser dar um exemplo à sociedade brasileira e aos demais políticos, não o fará assim, atacando a vontade eleitoral do país, mas ao inverso, expulsando a maioria dos pés de joio que povoa de cabeça erguida, mesmo que a raiz esteja podre... os espaços do legislativo.
Agorinha, observamos que o discurso da oposição (e isso inclui os políticos e a justiça de oposição) focam na preleção de que chamar o processo de impeachment de golpe, prejudica o Brasil! Ora, eu me pergunto, prejudica o quê no Brasil?
Porque o Brasil já é um país em que políticos corruptos deitam e rolam e não vão para a cadeia, trata-se de um judiciário de dois pesos e duas medidas, para o qual pisar em cima da carniça, é algo sobrenatural...
Um país em que políticos corruptos podem se candidatar e quando eleitos, podem assumir o cargo; um país no qual um ladrão de galinhas é condenado a 3 anos de prisão e um político que se apropria de recursos públicos, quando é, por ventura, condenado vai para a prisão domiciliar e continua a usar os bilhões roubados; um país em que, para cada época, para cada governo, um tipo de crime é passível de punição... Pois vejam bem, os mesmos crimes, das quais a Presidenta Dilma Rousseff está sendo acusada, foram cometidos por presidentes anteriores ao PT, inclusive pelo atual vice-presidente, porém, em momentos anteriores, não se uniu um complô dos poderes legislativo, judiciário e midiático a fim de derrocar o presidente!
Um país em que o judiciário grampeia a Presidenta e divulga a sua fala; um país em que o vice-presidente é um conspirador declarado e vil; um país em que as autoridades interessadas já tem o resultado das ações em mãos, mesmo sem que o processo tenha se efetivado... O que dizer de um país assim?
Um país, cuja política é sinônima de corrupção, sem exceção alguma!
A Presidenta tem sim que enfatizar que está sofrendo um golpe de estado, e isto precisa ser verbalizado aos quatro ventos; a Presidenta precisa fazer o que Fernando Collor não fez, quando, por uma bobagem foi achincalhado pela imprensa e deposto do poder. Avaliem o crime que cometeu Collor e avaliem o que fez os governos do PT e do PSDB, e o crime de Collor se sentirá envergonhado de tão pequeno!
A Presidenta poderá até sofrer impeachment, mas se isso ocorrer, terá uma parcela significativa do dedo do TCU, do TSE e do STF que ultimamente enxergam apenas aquilo que lhes convém...
O erro da Presidenta foi ter aberto a guarda para o PMDB e para o PSDB, que não têm a competência de fazer um presidente, eleito legitimamente, na atual conjuntura!

JaloNunes.
Imagem retirada de: www.espacovital.com.br
Copiada de: newsrondonia.com.br

Sem comentários:

Enviar um comentário